Talles Gabriel, de 17 anos, morreu esfaqueado durante briga em show (Foto: Reprodução/Facebook).

Suspeito de matar adolescente em briga por pé de maconha em Iaras é preso em Bauru

Crime aconteceu na cidade de Iaras (SP). Daniel Regis dos Santos Leite, de 22 anos, foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória e aguarda à disposição da justiça.

IARAS/SP – Um dos suspeitos de matar um adolescente durante uma briga em um show em Iaras (SP), no dia 7 de janeiro deste ano foi preso nesta quinta-feira (15), em Bauru (SP).

Daniel Regis dos Santos Leite, de 22 anos, é suspeito de participar do homicídio e uma tentativa de homicídio registrados na data.

Talles Gabriel, de 17 anos, morreu esfaqueado durante briga em show (Foto: Reprodução/Facebook).

Talles Gabriel, de 17 anos, morreu esfaqueado durante briga em show (Foto: Reprodução/Facebook).

Com o mandado de prisão temporária expedido pela Comarca de Cerqueira César, os policiais da Delegacia de Investigações Gerais de Bauru (DIG) foram até o endereço do jovem, na rua João Fernandes Sanches, no Jardim Flórida em Bauru, na manhã desta quinta-feira (15). O suspeito foi encontrado escondido embaixo de uma cama, segundo a polícia.

De acordo com informações da investigação feita pela Polícia Civil de Iaras, Daniel Regis dos Santos Leite e seu irmão de 15 anos, que ainda não foi localizado, participaram da briga que teria começado por causa da disputa de um pé de maconha.

Segundo a Polícia Militar, testemunhas informaram que a vítima, Talles Gabriel Azevedo Costa, de 17 anos, estava no show com um grupo de adolescentes, quando se envolveu em uma briga com um jovem por um pé da droga que ambos teriam cultivado juntos.

Durante a discussão, Talles e outro adolescente foram esfaqueados pelo rapaz. Os dois chegaram a ser levados para a Santa Casa de Cerqueira César (SP), mas Talles não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital.

O suspeito de participar do crime foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de Bauru, onde permanece à disposição da Justiça. O irmão dele, de 15 anos, é considerado foragido.

Ainda de acordo com a DIG, Daniel estava preso no Centro de Progressão Penitenciária II de Bauru por tráfico de drogas e porte de arma, mas havia fugido em junho de 2017.

G1

Comments are closed.

>