Soldador foi indiciado por tráfico de entorpecente e recolhido à cadeia de Pereira Barreto. Foto: MANOEL MESSIAS/Agência

Soldador é preso em Castilho acusado de tráfico de entorpecentes

CASTILHO – O soldador Almir Teixeira Batista, de 34 anos, residente no conjunto habitacional Musa Telles, em Castilho, foi preso pela Polícia Militar no final da tarde da última quinta-feira (11), acusado de tráfico de entorpecentes. Com ele foram localizados meio tijolo prensado de maconha (Cannabis Sativa), pesando 506 gramas, além de várias pedras de crack pesando 32g e R$ 15,00 em dinheiro. Encaminhado para o plantão da Delegacia Seccional de Andradina, foi indiciado e recolhido para a cadeia de Pereira Barreto, à disposição da Justiça. O entorpecente e o dinheiro foram apreendidos pela Polícia Civil.

A prisão do acusado aconteceu quando a equipe de Força Tática da PM, composta por sargento PM Alexander, cabos PMs Yoshio e Diletti, realizava patrulhamento preventivo pela estrada vicinal que liga Castilho ao distrito de Junqueira, quando, no quilômetro 1 o avistou em direção contrária ao da viatura. Foi constatado que ele transportava na cesta da bicicleta uma sacola plástica na cor verde.

Os policiais decidiram pela abordagem, porém, ao perceber a ação militar, o soldador arremessou a sacola para longe, tentando fugir. Porém, foi perseguido, abordado e revistado. Pessoalmente com ele não foi encontrado nada de ilícito, apenas o valor de R$ 15,00.

Ao apanhar a sacola que ele havia jogado fora, os militares localizaram meio tijolo de maconha pesando as 506 gramas e as pedras de crack, pesando 32 gramas. Questionado sobre a droga, o indiciado informou ter comprado há alguns dias e pago o valor de R$ 850,00, sem dizer onde, e a teria deixado escondida no pasto localizado a 1 km daquela estrada de terra e foi pegar naquela tarde.

Policiais militares no entanto desconfiam que ele foi apanhar a maconha para alguma pessoa e o crack seria seu pagamento “pelo serviço”. Como não “dedurou” o possível proprietário da droga, assumiu ser dele o entorpecente.

MIL NOTICIAS/Agência

Comments are closed.

>
error: Solicite a matéria por email!