O ex-prefeito de Fernandópolis, Luiz Vilar de Siqueira, 71 anos, foi preso em uma cidade no litoral norte paulista. Foto: Regiãonoroeste

Ex-prefeito Luiz Vilar é preso no litoral norte paulista

FERNANDÓPOLIS – O ex-prefeito de Fernandópolis, Luiz Vilar de Siqueira, 71 anos, foi preso no início da tarde desta quarta-feira, 13, em uma cidade no litoral norte paulista. 

O ex-prefeito de Fernandópolis, Luiz Vilar de Siqueira, 71 anos, foi preso em uma cidade no litoral norte paulista. Foto: Regiãonoroeste

O ex-prefeito de Fernandópolis, Luiz Vilar de Siqueira, 71 anos, foi preso em uma cidade no litoral norte paulista. Foto: Regiãonoroeste

Vilar responde pela condenação de 13 anos quando maquinas da Codasp entraram em uma propriedade particular ao lado do recinto de exposição. Ele havia perdido todos os recursos e teve a prisão decretada a mais de 15 dias. 

Vilar teria sido localizado por policiais civis de Fernandópolis, que efetuaram a prisão e estariam trazendo o ex-político para a cidade. 

O CASO 

O ex-prefeito Luiz Vilar de Siqueira havia tido a prisão decretada no início do ano após terder um recurso no Tribunal de Justiça em São Paulo quando foi condenado pela Justiça de Fernandópolis em uma ação penal pelo crime de falsidade ideológica no caso “Decreto da Expô”, que beneficiou o ex-vice-prefeito Paulo Biroli. 

Vilar apelou ao STJ (Superior Tribunal de Justiça), em Brasília, com pedido de Habeas Corpus para evitar a prisão. No final do mês passado o ministro relator do caso, Ribeiro Dantas, considerou o julgamento do Habeas Corpus prejudicado no STJ, uma vez que ele já teria sido analisado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo. 

O pedido foi negado e Vilar teve a prisão decretada e terá que cumprir 13 anos em regime fechado. 

Regiaonoroeste

Comments are closed.

>